Nas Psicologias, vemos métodos, formas, caixas, as quais lhe encaixam para facilitar o tratamento. Sempre me perguntam se resolve algo, e sim, em muitos casos sim, porém não todos e nem tudo o que você gostaria. São métodos avançados, muito bem estudados e estruturados, porém para mim e todas as pessoas que já atendi até hoje, faltou muito e foi através apenas da Psicanálsie que eu e todos estes meus pacientes conseguimos nos descobrir melhor.

No que eu vi a TCC, Teoria Cognitivo Comportamental, encaixar dentro de um padrão, na Psicanálise eu me vi sendo liberto disto, pois ela entende minha visão de mundo e trabalha no ato de pensar sobre si, que é o exercício de reflexão sobre minhas atitudes, minha vida, de mim como um ser em uma vida que ninguém pode ter igual e nisso começa o trabalho de achar o que me incomoda e resolver através da fala sobre o problema até que eu sozinho encontre a solução. O terapeuta evita comentários excessivos e não me dá todas as soluções, o que fortalece meu trabalho interno e me fortalece. Eu nunca estou sozinho, porém também não terei alguém que me liberta sozinho, preciso me esforçar.

Sempre vejo em meus pacientes, eles quererem que eu dê todas as respostas, mas quem pode dar as respostas para nossos problemas somos nós, pois temos uma vida a qual ninguém sabe o que passamos, apesar de tentarmos falar tudo para o terapeuta, sempre vai faltar algo, então se ele der uma resposta a qual não seja exatamente a qual necessitamos, ele pode atrapalhar ao invés de ajudar, o que faz com que a terapia acabe perdendo o poder, por nossa confiança no profissional cair também. Nisso o Psicanalista se mantém em silêncio, ouvindo apenas o que o paciente tem a dizer e assim chegando a conclusões as quais nenhuma outra forma de terapia conseguiu até hoje.

Categorias: Dúvidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *